29 julho, 2014

Resenha - Diário de Uma Paixão - Nicholas Sparks

Título: Diário de Uma Paixão
Autor: Nicholas Sparks
Editora: Novo Conceito
Páginas: 244

SINOPSE: "Os românticos chamariam isso de uma história de amor, os cínicos diriam que é uma tragédia. Na minha cabeça, as duas versões se completam, no fim das contas, qualquer que seja a versão escolhida para encarar este relato, nada altera o fato de que ele abrange uma grande parte da minha vida e do caminho que escolhi trilhar. Não tenho nenhuma queixa a fazer quanto ao meu percurso e aos lugares onde ele me levou; talvez sobre outas coisas eu tenha reclamações, suficientes para encher uma tenda de circo, mas o caminho que escolhi tem sido sempre o certo, e tampouco gostaria que tivesse sido de outro jeito."
A história começa no início de outubro de 1946, quando dois jovens, Noah Calhoun e Allison Nelson, se conhecem e se apaixonam perdidamente. Tudo parece perfeito até que a família de Allie a impede de continuar a vê-lo devido à enorme diferença de classe social entre os jovens.
Diário de uma Paixão foi originalmente inspirado na história dos avós da esposa de Nicholas. Quando o autor os conheceu, eles já estavam casados há mais de 60 anos. O amor verdadeiro em si, o carinho e a devoção se sobrepõem às mudanças inevitáveis do tempo, que afetam a todos nós.

Uma história linda e Romântica desde o início.

"Não sou nada especial; disso estou certo. Sou um homem comum, com pensamentos comuns, e vivi uma vida comum. Não há monumentos dedicados a mim e o meu nome em breve será esquecido, mas amei outra pessoa com toda a minha alma e coração e, para mim, isso sempre bastou."

Allie e Noah se conheceram ainda jovens estão casados a ?? anos e tem um dos amores mais lindos, profundo e verdadeiro que já vi.

A história é narrada por Noah, desde que descobriu que sua esposa tem o mal de Alzheimer passou a ler todas as noites para ela o diário deles, conta para ela como se fosse uma história, uma ficção para tentar fazer com que Allie se lembre dele, da vida deles.


“- Por que você está me olhando desse jeito?
- Só lembranças...
 Eu me apaixonei por ela enquanto estávamos juntos, e me apaixonei ainda mais nos anos em que ficamos separados.”

O amor, a devoção que Noah sente por Allie é maravilhoso, não desiste dela por um segundo, desde jovem quando se conheceram até bem mais velhos, as dificuldades não são as mesmas, mas o amor deles apenas cresce.

Embora eu ame histórias de romance, acho que esse livro algumas vezes, ficou um pouco parado e cansativo.

“A razão por que a despedida nos dói tanto é que nossas almas estão ligadas. Talvez sempre tenham sido e sempre serão. Talvez nós tenhamos vivido mil vidas antes desta e em cada uma delas nós nos encontramos. E talvez a cada vez tenhamos sido forçados a nos separar pelos mesmos motivos. Isso significa que este adeus é ao mesmo tempo um adeus pelos últimos dez mil anos e um prelúdio do que virá.”

Adorei a história, é linda sim!

Sem dúvida alguma eu indico para que mais pessoas leiam e possam acompanhar essa linda história de amor, mas já aviso que é um pouco parado.

Os detalhes que Nicholas Sparks explora a cada cena, nos faz sentir, presenciar essa linda história.


“É a possibilidade que me faz continuar e não a certeza. ... E embora me possam chamar sonhadora, louca ou qualquer outra coisa, acredito que tudo é possível”


Confiram esses e outro títulos no Orelha de Livro
Beijos
Dri

2 comentários:

  1. Amo esse livro,o tenho e também o dei de presente para a minha mãe.
    Mas devo admitir que sou fã do Nicholas.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. É o próximo da minha lista de leitura xD Vi o filme e gostei muito, a história deles é muito linda. Espero ser capturada pelo livro, haha.

    ResponderExcluir